Obsessão: botas de cano curto

ENQUETE: quantas pronúncias diferentes vocês já ouviram da palavra “ankle boot”? Vou listar as que eu já tive o prazer de escutar: UNCLE boot, ENQ boot, ENCLOU boot e, a melhor de todas, ONCOBOOT (oncotô?).

O fato é que, não importa com qual pronúncia você escolha se referir a elas, todos sabemos o que elas são. Botinhas de cano curto, quase sempre de salto, que já estão aí fazendo a festa da galera há algum tempo. Porém, podemos dizer que ano passado elas deram uma despiriguetada. Se antes, a botinha vinha acompanhada de um salto homérico e uma meia pata travestílica (?), hoje ela volta com salto mais grosso, mais baixo e com uma carinha mais rocker meets country. Pó falar? Tô amando demais ❤ Não consigo imaginar mais nenhuma roupa minha sem o acompanhamento de uma menininha dessa. Trouble is que elas são bem carinhas, né? Então vou ter que me contentar com meu all star da 5ª série.

Mas, pra vocês que se encontram em melhores condições financeiras que eu, rodopiei a internet procurando por modelos bacanas e com preço mais barato. Vamos ver se vocês curtem alguma:

imagens: google ou sites indicados

1. Azaleia, R$139,90 / 2. Zatz, R$159,90 / 3. Satinato, R$199,90 / 4. Via Marte, R$189,90 / 5. Posthaus, R$79,90 / 6. Satinato, R$199,90

Vocês veem que uma botinha dessa por menos de R$100 é milagre na Terra, né? Por isso coloquei essa da Posthaus aí. Foi a única que eu achei mais baratinha! Esses foram apenas alguns dos modelos que eu achei, viu? Salvei mais várias imagens por aqui, mas optei por mostrar ideias diferentes (várias alturas de salto, cores, detalhes). Se vocês ficarem interessadas, recomendo passearem por esses sites que eu postei, porque as opções são infinitas!

Vale ressaltar duas coisas importantes:
1) As botas de número 3, 4 e 6 são de couro. Se você não usa couro por quaisquer razões, foca nas outras opções! 😉
2) Das lojas listadas, comprei apenas na Dafiti e na Renner online. Recomendo as duas de olhos fechados, pois tive ótimas experiências. Linkei as outras lojas só para termos variedades de opções no post, senão ia ficar parecendo jabá e… vocês sabem, né? Risos.

Continuarei desejando minha botinha até que nasça uma árvore de dinheiro no meu quintal (não tenho quintal, ou seja).

Beijos, crianças!

Lorena

Not-so-look do dia: Jaws, calça masculina e meu sapato favorito

Em um dos primeiros “not-so-looks do dia” que eu postei aqui no blog (saudades 2011) (só que não mesmo), eu expliquei que o título da tag não era à toa. Realmente, vocês nunca vão ver produções mega elaboradas por aqui, porque não é assim que a banda toca no coreto da Lorena. 80% dos dias eu acordo sem qualquer inspiração e eu sou uma bagunça na hora de escolher o que vestir. Tem dias que eu me sinto a pessoa mais alternativa dentro do rock no mundo, outros eu acho que sou a executiva de contas de uma multinacional. Com isso, vem uma DISLEXIA FASHION (sério, vou patentear o termo) absurda, que resulta em manhãs vestindo tênis e camiseta, tardes de saia lápis e camisa de botão e noites de saia bandagem e tomara-que-caia (essa última parte é mentira).

Como eu atualmente ando numa DIETA FASHION INVOLUNTÁRIA devido à mais pura falta de dinheiro, o que eu mais faço é repetir roupa e acessório. E cabelo. E maquiagem. Nesse dia, eu fui tomar uma cerveja com o namorado e não tinha razão para emperequetamento (do verbo “emperequetar”). Por isso, fui direto no que não tem erro pra mim:

imagem: notsoit

Camiseta: Marisa;
Calça jeans: C&A;
Bolsa: Ebay;
Espadrilha: Renner;
Acessórios: Rita de Cassia, minha mãe.

A espadrilha comprada no Rio (que eu conto aqui) virou meu sapato favorito de todos os tempos. A bolsa… bom, é a única preta que eu tenho at the moment. A camiseta é a mais linda paixão, diretamente da Marisa por míseros R$19,90. E a calça tem um truquezinho (que eu já dei spoiler no título): ela é masculina!

Eu tenho 1,76m de altura e visto 44. Pode parecer bobagem, mas é impossível achar calças jeans pra mim. Elas ficam curtas e geralmente, quando ficam boas na cintura, ficam largas no bumbum e na perna. Então, um dia, resolvi fazer algo diferente: experimentei uma calça masculina e funcionou! Claro, não são todas. Eu procuro as slim e skinny da C&A, com elastano, sempre uns dois números menor do que seria a feminina (a doce ilusão de se vestir 40). Elas têm a cintura mais alta (amor ❤ ) e ficam num comprimento ótimo pra mim. Então, meninas que sofrem com isso, façam o teste! E me contem aqui se deu certo!

Prometo trazer, caso seja do interesse de alguém, algumas fotos mais detalhadas de acessórios – quando valer a pena!

Beijos!

Lorena

California Gurl só que no Brasil

Como todo mundo sabe a nossa linda Katy Perry veio ao Brasil lançar o Part of Me 3D. Acho muito que foi uma estratégia da produção pro filme não flopar logo de cara né.
Independente se vai ser sucesso de bilheteria o que importa pra gente é moda. Por isso a gente separou os três looks que a cantora usou no dia da pré-estreia. O primeiro para a coletiva de imprensa, o segundo para a sessão de fotos e o terceiro para o red carpet.

Olha que bonitinha ela com a golinha fechada, cinturinha marcada e animal print.  Curti!

A Katy é daquelas meninas que se eu fosse assessor dela estaria sempre com medo de como ela apareceria, mas ela acertou também para as fotos e entrevistas individuais. Katy 2 x Assessoria Imaginária 0.

Já para a noite ela escolheu este longo Dolce & Gabbana. Ponto pra ela de novo! Tava linda, mulherão e chique.

E vocês? Curtiram?

beijos,

Juan

 

 

 

To-buy list de inverno

Não importa a estação: a gente quer comprar absolutamente tudo. Inventamos desculpas pra comprar qualquer coisa. “Cara, mas eu PRECISO de uma jaqueta de couro ecológico laranja com rebites dourados. PRECISO”. É lógico que você não precisa, né? Mas cada um com seu vício, pelo menos não tô roubando nem matando.

Mas sempre temos o que as bloggers amam chamar de WISHLIST. Eu não tô wishing nada, até porque, né? Wishei uma noite de flerte outro dia e não consegui nada. Então eu tenho uma to-buy list – a lista das coisas que eu considero essenciais, pretendo comprar e sem as quais vai ser difícil viver mais um dia.

Saca só a minha:

Eu PRECISO de uma jaqueta cropped de couro ecológico de uma cor que não seja preta. Gente, eu sei que eu vou arrepender disso algum dia, porque as periguetes se APOSSARAM da jaqueta cropped, mas elas são tão versáteis 😦 lá no À Moda do Rei, o outro blog para o qual eu escrevo, fiz um post especialmente pra elas com ideias de visuais bacanas. Deem uma olhada!

Pra quem mora em Juiz de Fora, vi umas bem razoáveis em uma loja da rua São João cujo nome não me recordo (é uma loja que vende roupa masculina e feminina, e é bem grande). Foram as mais baratas que achei – R$129,90.

Um cardigan chiquezinho. Desejei-o profundamente para a minha noite com as miguxas, o encontrei, mas achei caro. R$99,00 numa peça que eu vou usar muito, mas que eu não sei se vai durar muito tempo. Ele ainda me espera lá na Opção.

E ela… a bota de cano curto. Objeto de tantos sonhos e desejos. Já falamos dela aqui também, e a C&A continua tendo os dois modelos mais bonitos que eu vi. Os preços são R$139,90 e R$189,90. Aí eu sinto uma dorzinha no coração 😦

Como lidar, gente?

Só consigo pensar em uma música no momento:

TELL ME
HOW AM I SUPPOSED TO LIIIIIIVE WITHOOOUT YOOOOOOU?
NOW THAT I ‘VE BEEN LOVING YOU SO LOOOOOOOOONG…

É isso aí, Michael Bolton. Disse tudo!

A moda das meias

E como a Fênix, o notsoit ressurge das cinzas trazendo um pouco mais da moda da vida real pra vocês, eternos notsoitters! 🙂

Não desistam da gente, pessoas! Nós estamos aqui ainda, não abandonamos esse espacinho de felicidade, mas é que os compromissos da vida adulta estão nos pegando pelo pé.

Maaaas, falando em pé, vamos ao post de hoje!
Um dos meus passatempos favoritos é ficar passeando por esses sites de streetstyle, que são uma inspiração e tanto. E, de uns tempos pra cá, a coisa que eu provavelmente mais tenho visto é o uso de meias compridas até o meio da coxa, muitas vezes por cima de uma meia fina mais clara.

Eu normalmente torço o nariz pra essas coisas, mas não consegui parar de achar os visús lindos! Deem uma olhada:

Me fala se não é lindo?
Infelizmente, essa é uma “moda” um tanto limitante. Primeiro, porque moramos no Brasil, e usar duas meias aqui, só se você for do Sul e estiver num inverno tenebroso. Segundo, porque não somos todas magras, altas e com as pernas finas, né? Mas acho que vale tentar e se autoavaliar em frente ao espelho. Quem sabe…

Eu quero muito tentar num look mais romântico, tipo o da segunda foto. Será que rola?

Vamos esperar o inverno chegar e tentar todas juntas, num flashmob de meias até a coxa? Hahaha

Beijos amores!

Lorena

Blusinhas de renda para o carnaval

Calma, cocada, calma! Esse ainda não é o post sobre roupinhas para o carnaval!

Mas é que hoje eu estava tentando me inspirar para inspirar vocês (hahaha, inception de inspiração) e tudo o que eu conseguia pensar era em como eu gostaria de ter umas mil dessas blusinhas de renda larguinhas para usar na semana dos festejos.

Acho que, com blusinhas assim, a gente não precisa se preocupar com mais nada. É só colocar um shortinho jeans e um chinelo que a gente fica linda, nascida e criada no Leblon! Se quiser ir para uma baladinha de carnaval mais cheia de nhenhenhem, é só acrescentar um salto e tá linda (ou nem isso: uma sapatilha mais chiquezinha já resolve). Mas, eu andei, andei, andeeei até NÃO encontrar uma parecida com essas em um preço camareids.

Porém, eis que lembrei-me… DELA (cornetas triunfais):

Gente, vi essa blusa da Farm aqui em JF City há um tempo atrás em uma multimarcas. Quase tive um filho. Ela é linda DE-MAIS. Sério, a foto não faz jus ao frescor e maravilhosidade dela. Ela não toda rendada, mas tem uns bordadinhos delicados em forma de flor. Mas, ela estava R$189,90 na loja. Ri – o quê? – sos.

E agora, porque o mundo gosta de me sacanear, ela está R$89,90 na e-farm, só tem G (o meu tamanho) e eu não tenho sequer 32 centavos para comprá-la. Choro agora ou choro quando chegar o carnaval e eu imaginar que todos os meus looks ficariam muito mais lindos com ela?

Mas, chega de drama.
Blusinhas assim são frescas, não incomodam e fogem totalmente do visual padrão do carnaval que é blusa ribana + short + rasteirinha. Acho que é uma peça que realmente vale a pena ter!

O post do carnaval ainda vem, fiquem tranquila(o)s! 🙂

Beijos,

Lorena 

Problema nosso de cada dia: “Tenho o quadril largo”

Boa tarde, queridos guxos e leitores!

Hoje falaremos de mais um problema nosso de cada dia, que para mim seria solução: o quadril largo, ou, nas palavras de minha doce e querida mãe, a ANCA.

Lá no nosso Facebook, a Rafaela falou o seguinte: “Eu nunca sei que tipo de calça escolher… E tb fico em dúvida se posso usar saia e vestido longos, pq além do quadril largo, sou pequena…”. Acho que essas são as perguntas que quase todas as meninas com quadril largo  fazem. O problema é que, na maioria das vezes, o quadril largo vem acompanhado de uma cintura finiiinha – dando à garota o famoso corpo violão. Mas, a cintura fina colabora para que a parte inferior do corpo pareça ainda mais larga. Por isso, é necessário, como sempre, achar um equilíbrio.

Então, vamos lá!

– O que devemos evitar?

1) Calças com a cintura muito baixa: esse tipo de calça não faz bem pra ninguém, né? Mas, pras meninas com bastante quadril, o cós baixo da calça faz um “corte” visual bem em cima do que é a parte mais larga do corpo. Então o olho vai direto lá! A primeira coisa que todo mundo vê, então, é quadril! No caso da Rafaela, que é baixinha, esse tipo de calça deve ser ainda mais evitado, porque “achata” a silhueta. As cinturas um pouco mais altas são sempre melhores (além de deixar o corpo 436 vezes mais bonito!).

2) Calças ou saias muito justas, com blusas também muito justas: eu ia falar aqui pra evitar as calças justas e ponto final, mas eu sei que é muito difícil. Portanto, é só evitar usar TUDO muito justo, pelo motivo que citei ali em cima. A roupa grudada no corpo vai mostrar a cinturinha e o quadril, e a disproporção vai ficar ainda mais óbvia. Não precisa usar blusas largas, mas é válido adicionar algum volume em cima.

3) Parte de baixo clara, estampada ou com muitos detalhes: a calça jeans clara, por exemplo, marca até o lacinho da sua calcinha de algodão, certo? Então não é muito legal. Qualquer coisa que chame a atenção para a parte do corpo que você não gosta não é legal. Por isso, deixe as estampas, detalhes com brilho, babados, etc, para a peça que você vai usar na parte superior. Opte por calças jeans mais escuras (preferencialmente de modelagem mais reta e menos skinny), sem detalhes de lavagem na área do quadril (tipo aqueles desbotados, manchinhas, ou bolso faca).

Fiz uma montagem com calças jeans e algumas blusinhas pra vocês verem:

Todas as calças são retas (a primeira, de tecido, e as duas outras jeans flare), escuras e sem detalhes na região do quadril) e as blusas tem algum volume ou detalhe! A atenção vai primeiro pra essa parte, então!

– O que devemos usar?

1) Estampas e detalhes no top: como já dito ali em cima, esse é mais um segredinho pra criar equilíbrio. Laços, babados, mangas princesa, estampas. Tudo isso deve ir pra parte de cima da sua roupa, preferencialmente!

2) Cintura média: o ideal é não ir para os extremos – nem cintura baixa demais, nem alta demais (lembrando: a cintura alta só é um “problema” se você tiver a cinturinha muito fina, como acontece na maior parte dos casos). A cintura média não vai chamar tanta atenção pra região do quadril e vai alongar sua silhueta.

3) Saias e vestidos em modelos retos ou evasê: “evasê” é a técnica que faz o tecido abrir sóóó um pouco no comprimento. Isso quer dizer que o que você precisa evitar são as saias ou vestidos muito justos na bunda, ou aqueles que têm o tecido super armado. O “evasê” é quase como a queda natural do tecido.

Portanto, para responder a Rafaela, quem tem quadril largo pode SIM usar saias e vestidos longos, desde que optem por essa modelagem (o que não é difícil de achar, porque quase todas as saias e vestidos longos são assim). As saias longas que vocês não devem comprar são as plissadas, que aumentam muito o volume do quadril.

Novamente, a questão do equilíbrio faz todo o sentido, e vale a pena investir numa saia mais neutra e um top mais enfeitado. Uma dica: pra quem é mais ousada, vale a pena colocar a saia longa com uma camisa amarradinha na frente! Fica lindo! Ou então, procurem blusinhas com manga, ombro caído… acho que fica mais legal que as tomara-que-caia ou de alcinha! E, pra quem é mais baixinha e com o quadril largo, como a Rafaela, procurem as saias que têm a cintura um pouco mais alta! Vejam aí embaixo algumas ideias de looks!

E aí, meninas? As dicas ajudaram?

Beijos,

Lorena